CPFL Energia moderniza datacenter e melhora performance das aplicações

Cases cpfllogo2

Pela segunda vez em um intervalo de apenas três anos, a CPFL Energia modernizou o seu datacenter. No ano passado, a companhia decidiu ampliar a sua infraestrutura com o objetivo de conferir mais agilidade aos novos processos de gerenciamento interno e distribuição de energia.

O projeto demandou quase oito meses de execução, entre o planejamento e a implementação, e contou com a participação da Service IT Solutions, especializada em consultoria e prestação de serviços na área de tecnologia da informação (TI).

Com a compra de um servidor P795, da linha da Power, fabricada pela IBM, mais de 5 mil usuários da CPFL Energia foram beneficiados. A companhia ainda conseguiu diminuir a quantidade de máquinas utilizadas – reduzindo espaço no datacenter e economizando energia.

“Com a solução, consolidamos os servidores, renovamos nosso parque de TI e demos mais poder de processamento aos sistemas”, conta Márcio Félix, gerente de tecnologia, telecomunicação e segurança da informação da CPFL.

As aplicações internas, como ERP, CRM, Billing e Data Warehouse, tiveram um ganho de performance de 30%. Além disso, foram otimizadas ainda soluções técnicas do mercado de energia, como controladores de carga e ferramentas de despacho de ordens de emergência, que passou a ser automatizado.

“Antes, o encaminhamento de uma ordem era manual e a equipe de plantão era acionada por rádio após a demanda de um cliente. Agora, a ferramenta busca no sistema qual o time mais próximo do cliente e envia uma ordem de serviço automática”, explica Félix.

Dessa forma, houve não somente uma melhoria no atendimento, mas também do fornecimento do serviço, uma vez que indicadores da empresa mostram que o tempo de interrupção de energia diminuiu, acrescenta.

O primeiro processo de modernização do datacenter ocorreu em 2009, também com o apoio da Service IT Solutions. Na ocasião, a CPFL Energia implantou a sua primeira plataforma Power, contratada junto à IBM.

Com faturamento de R$ 17,6 bilhões, a CPFL Energia atua nos segmentos de distribuição, geração e comercialização de energia elétrica e de serviços de valor agregado.

A matriz de geração da companhia é composta por hidrelétricas, Pequenas Centrais Hidrelétricas (PCHs), parques eólicos e térmicas a biomassa de cana-de-açúcar e a óleo combustível.

Confira o Case em PDF.